20 de novembro de 2017
Inicial | Destaques | Selim Specialized BG Power Comp

Selim Specialized BG Power Comp

Um selim que alia performance a conforto, é compatível com bicicletas de estrada e MTB e pode ser utilizado tanto por homens quanto mulheres. Parece bom demais para ser verdade? Vamos conferir… 

Um selim de desenho incomum, capaz de aliar conforto à eficiência na pedalada tanto para ciclistas de estrada quanto mountain bikers. Esta é a proposta da mais nova linha de selins da linha Power Specialized.

Composta por quatro modelos (S-Works, Pro, Expert e Comp), a nova linha foi desenvolvida com o intuito de proporcionar ao ciclista uma pedalada em posição mais agressiva e aerodinâmica, sem abrir mão do conforto e sem restringir o fluxo sanguíneo na região perineal.

Specialized Power Comp

A primeira vista, o selim Power aparenta uma evolução de seu selim mais conhecido, o Romin, com um nariz sensivelmente menor (cerca de 3 centímetros), causando uma ilusão de ótica que lhe faz parecer mais largo do que ele realmente é. De fato, em sua parte traseira, o selim Power possui exatamente as mesmas opções de largura no padrão Body Geometry que o Romin:  143mm, 155mm e 168mm.

Outro diferencial notável é seu enorme vão central, desenvolvido para evitar a pressão sobre nervos e o bloqueio do fluxo sanguíneo no períneo, fatores de dormência e desconforto para homens e mulheres. De fato, o novo Specialized Power é o primeiro selim de alta performance da marca que pode ser utilizado tanto por ciclistas do sexo masculino quanto feminino.

Specialized Power Comp

No modelo que testamos, o Power Comp, os trilhos são construídos em tubos ocos de liga de aço cromo-molibdênio (CrMo), que proporcionam boa resistência e conforto, sem agregar peso excessivo. A carcaça do selim, reforçada, e recoberta por uma camada de nível 2 de espuma de média densidade e por uma cobertura em material sintético a prova d’água.

Seguindo a tendência entre bicicletas e componentes da marca, a linha se selins Power possui dois orifícios na parte posterior de sua carcaça, para alojar porta-acessórios da linha SWAT (Storage, Water, Air and Tools), como por exemplo o Mountain Bandit, que permite armazenar um kit de câmara de ar e cartucho de CO2 diretamente sob o selim, sem a necessidade de bolsas.

A interface SWAT Mountain Bandit permite armazenar um kit de câmara de ar e cartucho de CO2 diretamente sob o selim Power
A interface SWAT Mountain Bandit permite armazenar um kit de câmara de ar e cartucho de CO2 diretamente sob o selim Power

O teste – Para o teste, utilizei o selim primeiramente em um percurso de estrada com cerca de 104 quilômetros de extensão (volta ao Lago Paranoá, em Brasília), com alguns trechos de subidas e descidas.

Apesar do risco um tanto quanto inconsequente de estrear um selim em uma pedalada de longa distância, em nenhum momento senti desconforto ou dormência. Ao contrário, comparativamente com o selim standard da minha bicicleta, um Fizik Nisene, o Power me pareceu muito mais ergonômico, sem excesso de pontos de contato com as ‘partes baixas’.

O grande diferencial entretanto ocorre quando se deixa a posição normal de pedalada, em favor de um posicionamento mais aerodinâmico, ou quando precisamos nos inclinar sobre a bike, como por exemplo em subidas técnicas. Neste momento, tanto a abertura central quanto o nariz curto contribuem grandemente para o conforto da pedalada.

Specialized Power Comp

Na trilha, o formato do Power permite que o ciclista fique praticamente com o rosto colado na mesa da bike durante subidas técnicas, sem o menor risco de se machucar a região perineal. Seus trilhos em CrMo e sua carcaça semi-flexível contribuíram e muito para o conforto da pedalada, mesmo em terrenos bem irregulares.

Apesar de não ter tido problemas quando utilizei bermudas de lycra durante as pedaladas, durante a trilha – onde normalmente utilizo modelos do tipo all mountain com forro interno -, a bermuda se prendeu por duas vezes nas bordas do selim, o que nunca me ocorreu com outros selins. Nada sério, mas suficiente para dar uma desconcentrada…

Selim Specialized Power Comp

Design
Versatilidade
Conforto
Eficiência
Peso
Preço

Ótimo!

User Rating: 2.65 ( 5 votes)

Conclusão – Seja em pedaladas de longa distância no asfalto ou em trilhas de terreno irregular, o Specialized Power Comp mostrou-se ser um selim de alto nível de conforto, graças ao seu design e materiais de alta qualidade empregados.

Mais do que em modelos de desenho convencional, a altura exata do selim é crítica no Power de forma a permitir um melhor ‘encaixe’ no mesmo. Uma vez corretamente ajustado, o Power proporciona um nível de conforto difícil de ser atingido em outros modelos, mesmo em posição de ataque, com o corpo abaixado sobre a bike.

Por outro lado, ciclistas que costumam se posicionar na parte frontal do selim em subidas técnicas poderão ter dificuldade em adaptar-se a este modelo, devido ao seu nariz reduzido.

Pontos positivos

  • Versatilidade;
  • Conforto;
  • Baixo peso;
  • Compatibilidade com a interface Specialized SWAT.

Pontos negativos

  • Preço alto;
  • Cobertura externa ‘gruda’ na bermuda em algumas situações.

Disponível em três tamanho, o selim Specialized Power Comp pode ser adquirido por R$ 449,91 na SuperBike 101, em três opções de largura: 143mm (247 grmas), 155mm (253 gramas) e 168mm (256 gramas).

Sobre o autor

André Ramos é editor do website MTB Brasília

Agradecimentos: SuperBike 101

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização