13 de dezembro de 2017
Inicial | Destaques | Grupo de transmissão com acionamento hidráulico da Rotor estreia no pelotão em 2018

Grupo de transmissão com acionamento hidráulico da Rotor estreia no pelotão em 2018

Grupo transmissor Rotor Uno será utilizado com exclusividade pela equipe feminina de ciclismo de estrada WNT-Rotor na próxima temporada

A marca espanhola Rotor aproveitou o anúncio oficial das novas integrantes de sua equipe feminina de ciclismo de estrada, a WNT-Rotor, para anunciar que seu tão aguardado grupo de transmissão hidráulico Rotor Uno será equipamento de série das bicicletas de Anna Badegruber, Lydia Boylan, Natalie Grinczer, Hayley Jones, Melissa Lowther, Elise Maes, Eileen Roe, Hayley Simmonds, Aafke Soet e Lea Lin Teutenberg.

Equipe WNT-Rotor – Foto: Divulgação

Anunciado inicialmente em 2015, o Rotor Uno foi desenvolvido na direção contrária de grandes concorrentes do setor como a Shimano, a SRAM e a Campagnolo, que investiram em distintas tecnologias de acionamento eletrônico. Para a marca madrilenha entretanto, um grupo de acionamento hidráulico traz como principais vantagens sua autonomia, baixo peso e manutenção mínima, além de uma troca de marchas suave e precisa.

“Freios a disco hidráulicos estão se tornando uma realidade nas bicicletas de estrada. Nosso desafio foi aproveitar esta tecnologia para ser utilizada também no acionamento dos câmbios, de forma a eliminar problemas inerentes às transmissões de acionamento por cabo, como a fricção”, disse na época Pablo Carrasco, co-fundador e designer da Rotor.

De lá pra cá o projeto emperrou em problemas de patente de seus componentes, sendo liberado para a venda somente neste ano. A partir de 2018, o grupo de transmissão será utilizado pela equipe WNT-Rotor em todas as suas bicicletas Orbea Orca OMR, juntamente com pedivelas Rotor 2INPower, Coroas Q-Rings e cubos Rvolver.

Tecnologia – Desenvolvido em parceria com a marca alemã Magura, o grupo de estrada da Rotor pesa um total de 1.655 gramas, incluindo trocadores, câmbios, mangueiras, pinças de freios de aro (também de acionamento hidráulico), corrente e cassete. O Uno é compatível com todos os modelos de pedivela da Rotor, com ou sem medidor de potência (não incluso).

Câmbios

Câmbio traseiro Rotor Uno

Construído em liga de alumínio 7075 e fibra de carbono, o câmbio traseiro Rotor Uno foi desenvolvido para funcionar com o máximo de precisão com um mínimo de manutenção.

Assim como nos demais componentes do grupo, utiliza como fluido hidráulico óleo mineral, menos agressivo ao meio ambiente que os tradicionais fluidos DOT. Um engenhosos sistema de engrenagens mantém seu posicionamento ‘travado’ na posição desejada, garantindo um funcionamento preciso. De acionamento contínuo, o câmbio traseiro da Rotor permite a troca de até 4 marchas de uma só vez. 

Sua regulagem se dá mediante um único parafuso. Um botão de liberação de carga permite reduzir sua tensão, de forma facilitar a retirada da roda traseira.

Câmbio dianteiro Rotor Uno

Compatível com relações de 2 x 11 velocidades, o câmbio dianteiro Rotor Uno conta com parafusos de ajustes individuais para cada coroa, de forma evitar que as mesmas raspem no descarrilador.

Passadores

Trocador de marcha do grupo Rotor Uno

Tanto o sistema de freios quanto o de acionamento dos câmbios da transmissão Rotor Uno utiliza a mesma tecnologia hidráulica de atuação. Seus trocadores de marcha possuem alavanca em fibra de carbono, que permite seu uso mesmo com luvas de dedo cheio. 

Seu acionamento é similar ao sistema DoubleTap da SRAM, onde um toque longo é encarregado de subir a marcha, enquanto que um toque curto faz com que ela desça.

Cassete

Cassete Uno
Cassete Uno

O cassete de estrada mais leve do mercado é uma verdadeira obra-prima em forma de alumínio torneado a CNC e aço especial, com uma relação de 11 velocidades e um range de 11-28 dentes.

Compatível com freehubs Shimano e SRAM, o cassete pesa apenas 135 gramas.

Corrente

Corrente Uno

Fabricada pela KMC, a corrente Rotor Uno é uma das mais leves do mercado e conta com um desenho especial denominado XBridge, que promove uma troca de marchas mais rápida e suave.

Freios

Freios Rotor Uno

Com seu design low profile que o mantém integrado ao garfo e aos stays traseiros do quadro, os freio Rotor Uno possui um incrível poder de frenagem graças ao seu acionamento hidráulico.

Assim como na transmissão, os freios utilizam óleo mineral como fluido de acionamento.

error: Textos, fotos, artes e vídeos do site MTB Brasília estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização